Olhos cansados, arder e com comichão? Alivie o cansaço visual

O cansaço visual é a fadiga ocular que resulta, sobretudo, do esforço excessivo. Depois de muitas horas a ler, a trabalhar em ecrãs digitais ou a conduzir sem parar, poderá sentir sintomas de cansaço visual, nomeadamente:

  • Dor nos olhos;
  • Ardor;
  • Olhos extremamente secos ou lacrimejantes;
  • Sensibilidade à luz;
  • Cansaço;
  • Dores na nuca, nas costas e nos ombros (dores posturais);
  • Dores de cabeça;
  • Visão turva;
  • Visão dupla;
  • Tremores nos olhos;
  • Vermelhidão e comichão nos olhos.

Causas do cansaço visual

É importante perceber que o nosso comportamento visual mudou drasticamente comparado há alguns anos. Estudos demonstraram que, em média, um indivíduo passa várias horas por dia a olhar para smartphones, ecrãs de televisão ou tablets.

Quando usa o smartphone, precisar de baixar significativamente o olhar, aumentar o esforço quando alterna o olhar de forma rápida e frequentemente para analisar o que se passa ao seu redor (principalmente enquanto caminha) e ainda estar exposto a um espectro de luz diferente.

Os atuais ecrãs digitais emitem uma elevada quantidade de luz azul e, embora o corpo humano necessite de uma certa quantidade de luz azul para controlar o ciclo de sono e vigília, a exposição excessiva pode ser prejudicial para a saúde e causar fadiga ocular. Assim, o stress visual faz parte do estilo de vida conectado aos ecrãs e poderá ser uma das razões para sentir desconforto e uma maior necessidade de relaxar os olhos.

Fadiga ocultar digital entre adultos e crianças

Segundo a American Optometric Association, a causa mais comum para o cansaço visual que os adultos sentem é uma consequência direta da utilização prolongada de dispositivos digitais. Nomeado stress visual digital ou síndrome visual do computador.

Porém, os adultos não são os únicos a sofrer de stress visual digital. Entre as crianças, a miopia ou dificuldade a ver ao longe, está a aumentar exponencialmente. Nos centros urbanos na Ásia, 90% dos jovens desenvolvem miopia antes dos 20 anos.

Embora a miopia nas crianças esteja associada a diversos fatores ligados ao estilo de vida e ao ambiente (genética, urbanização, falta de luz natural, maior grau de escolarização), a função da digitalização não deve ser subestimada. As crianças de hoje em dia são nativos digitais, afetando o desenvolvimento visual.

Causas de cansaço visual

  • Ler sem descansar os olhos;
  • Luz intensa, encandeamento no local de trabalho ou exposição prolongada à luz intensa;
  • Trabalhar ou ler em zonas mal iluminadas ou escuras;
  • Stress e privação de sono;
  • Conduzir longas distâncias sem parar para descansar;
  • Problemas de visão, tais como erros refrativos;
  • Secura ocular crónica;
  • Óculos com graduação desatualizada.

Alivie o cansaço visual

Em alguns casos, o especialista da visão, pode receitar óculos adequados ao estilo de vida digital e móvel. Uma vez que o cansaço visual pode ser sinal de uma doença oftalmológica ou problema visual, requer um diagnóstico e tratamento adequado.

Experimente algumas dicas para aliviar ou prevenir a dor nos olhos, mas faça uma visita ao oftalmologista em primeiro lugar, para esclarecer a causa do seu desconforto.

1. Marque um exame oftalmológico completo

Além de realizar um teste ocular completo, o seu oftalmologista irá colocar-lhe uma série de perguntas para saber como usa os seus olhos diariamente. Pense bem e responda minuciosamente. Lembre-se de acrescentar pormenores específicos, por exemplo, se trabalha mais num pequeno tablet do que num computador ou se conduz com frequência.

2. Faça intervalos regulares

Tente levantar-se, pelo menos, de hora a hora do seu lugar e caminhar ou alongar os músculos durante 5-10 minutos.

Opte também por exercícios para os olhos, como a regra 20-20-20 ideal para relaxar e exercitar os seus olhos – desvie o olhar do ecrã a cada 20 minutos e foque um objeto a 20 metros de distância durante 20 segundos.

3. Pestaneje

Enquanto trabalha ao computador ou está concentrado no smartphone, tem tendência a pestanejar menos e a não cerrar completamente as pálpebras quando o faz. O pestanejo humedece os olhos e previne a secura e irritação ocular. Assim, quando fizer os intervalos regulares, lembre-se de pestanejar com intensidade e prolongadamente.

4. Humedeça os olhos

Se sofre de secura ocular, fale com o médico ou oftalmologista sobre a lágrima artificial. Trata-se de um colírio lubrificante que, em conjunto com o filme lacrimal, evita que a humidade evapore depressa dos olhos.

5. Limite o tempo das crianças à frente de ecrãs

As crianças em crescimento, cujos olhos continuam a desenvolver-se, não devem usar dispositivos digitais durante longos períodos. Para elas, mais ainda do que para si, é importante fazer intervalos e limitar o tempo que passam à frente dos ecrãs.

Estudos demonstram que as crianças que passam mais tempo ao ar livre, correm menos riscos de desenvolver miopia. Lembre-se de que, no exterior, é importante usar protetor solar e óculos contra a radiação UV.

6. Evite a luz azul antes de se deitar

Quando os olhos são expostos a uma certa intensidade e espectro de luz azul, o corpo liberta menos melatonina (a hormona do sono). Assim, estará mais alerta e ficará acordado durante mais tempo.

Sendo o sono essencial para aliviar o cansaço visual, deve evitar a exposição excessiva à luz azul antes de se deitar, ou então use óculos com lentes especiais dotadas de um revestimento com filtro de luz azul, caso goste de ler no telemóvel ou tablet antes de adormecer.

7. Faça decisões saudáveis

Os vegetais são ideais para os olhos, assim, opte por comer muitos legumes verdes – brócolos, espinafres, couves e cenouras. Mas não se esqueça de se manter hidratado, para garantir que os seus olhos recebam a humidade de que necessitam, sobretudo se sofrer de secura ocular.

8. Crie um posto de trabalho ergonómico e evite o cansaço visual

Para melhor proteger os olhos do computador, preste atenção ao sítio e à forma como trabalha. No local de trabalho ou no escritório em casa, deve ter um espaço próprio para trabalhar que esteja adaptado às suas necessidades. Se possível, ligue o seu portátil a um monitor à altura dos olhos e o mais longe possível, sem precisar de se inclinar para ver com precisão.

Escolha uma cadeira confortável e ajuste a altura e a inclinação do encosto, bem como os braços da cadeira de modo a ter os pés bem assentes no chão e os braços ligeiramente apoiados na secretária enquanto usa o teclado. Se necessário, sente-se em cima de uma almofada para ganhar altura ou coloque-a atrás das costas para apoiar a zona lombar.

Finalmente, ajuste a luminosidade do monitor, o tamanho de letra e a temperatura de cor para maior conforto visual. A maioria dos computadores portáteis e de secretária tem um filtro de bloqueio da luz azul que pode programar para proporcionar uma proteção adicional aos olhos à noite.

Contudo, estas técnicas apenas irão reduzir a exposição à luz azul, pelo que deve passar menos tempo à frente de ecrãs e falar com o oftalmologista sobre óculos com filtro de luz azul.

Consulte um especialista da visão, para mais informações e aconselhamento.

Tags: ,


Quem leu este artigo também leu

Proteja a visão das alergias da primavera

Saber Mais
Regresso às aulas: cuidados com a visão

Saber Mais
O seu filho queixa-se com problemas de visão?

Saber Mais